Ostomizados de Friburgo precisam de ajuda.

 

 

 

 

:| COLOCANDO A CAPA NA BOLSA COLETORA NA HORA DO BANHO |:

 

 

Na página anterior, mostrou-se como fazer uma capa protetora para as placas e bolsas coletoras. Agora, será mostrado como se coloca essa capa.

 

Chamamos a atenção dos usuários para a qualidade e o tipo de fita adesiva que será usada nessa colocação. É importante observarmos se a fita adere bem à pele e, ainda, se ela não provoca processos alérgicos que possam comprometer a área em volta do estoma.

 

O autor dessa página observou ligeira alteração na cor de sua pele, na região de contato com a fita. Essa observação é feita no momento da retirada da capa e acontece utilizando o tipo de fita mostrado abaixo. Contudo, essa pode não ser a realidade de outros usuários, que devem ficar atentos a processos alérgicos mais significativos.

 

 

 

A seguir serão apresentadas as instruções básicas, passo a passo, para colocação de uma capa de banho nas bolsas coletoras de fezes ou urina.

 

 

Para essa apresentação contamos com a inestimável ajuda de um personagem que, carinhosamente, batizamos de "Ostomildo". Ele é um manequim de plástico, usado nas vitrines do comércio de roupas e se apresenta para nós como uma pessoa ostomizada.

 

 

1 - Os materiais.

 

 

Antes do banho, devemos separar os materiais necessários a colocação da capa.

Esses materiais são vistos na lista e na Fig.1.

 

 

Materiais para colocar a capa
Fig.1 - Materiais

a) - Capa desenvolvida na página anterior;
b) - Tesoura;
c) - Fita adesiva anti-alérgica.

 

 

2 - Preparando a bolsa coletora.

 

 

Nesse ponto, antes do banho, devemos fazer a limpeza da bolsa, chamada por alguns ostomizados de "fazer minha higiene".

Os próximos passos podem ser vistos a seguir.

 

 

Cortando um pedacinho da fita
Fig.2 - Corte da fita

Usando uma tesoura cortamos a fita de nossa preferência como indicado ao lado, na Fig.2.

 

 

Enrolando a bolsa para colocara a capa
Fig.3 - Enrolando

De posse da fita, enrolamos e prendemos a bolsa como na Fig.3.

 

 

3 - Colocando a capa.

 

 

Com a bolsa enrolada e de posse da capa, procedemos como segue.

 

 

Colocando a capa com a bolsa dobrada
Fig.4 - Colocando

Com carinho colamos a capa, encaixando o seu corte na bolsa enrolada, como mostrado ao lado.

 

 

Ajustando a capa na hora da colocação
Fig.5 - Ajustando
Agora, ajustamos a bolsa de forma que fique como na Fig.5.

 

 

Fechando a tampa da capa
Fig.6 - Dobrando

Dobramos a tampa da capa de tal forma que ela fique em condições adequadas para a colocação da fita, como na Fig.6.

 

 

 

4 - Colocando a fita.

 

 

Com a tampa dobrada e de posse da fita adesiva, prendemos a bolsa no abdômen.

 

Prendendo a capa no abdômen
Fig.7 - Fixando

Veja que colocamos a fita primeiro para depois cortá-la. Dessa forma evitamos desperdícios, desnecessários.

 

 

Cortando a fita na colocação
Fig.8 - Corte final

Esse corte é feito com a pessoa em pé e não apresenta maiores problemas. Apenas, sugerimos atenção com o uso da tesoura, afim de se evitar acidentes.

 

 

5 - Detalhes da capa.

 

 

A capa colocada dessa forma protege, integralmente, a bolsa e não permite que a placa seja molhada pela água que cai do chuveiro. Além disso, diminui a quantidade de fita adesiva colocada sobre a pele do abdômen e de quebra nos proporciona um banho mais confortável.

 

A capa colocada
Fig.9 - A capa

Essa é a apresentação final da capa colocada.

 

 

Detalhe da capa colocada de perfil
Fig.10 - Detalhe

Detalhe lateral mostrando a bolsa, totalmente, protegida pela capa.

 

 

6 - Conclusão.

 

 

Particularmente, o autor desse projeto confessa que não saberia se banhar sem o uso desse acessório. A eficiência desse equipamento depende muito do seu fechamento lateral que não deve permitir a infiltração da água do banho. Com isso, se observará, no máximo e eventualmente, alguns poucos pingos de água na placa. Esse pingos podem ser retirados, facilmente, com um pedaço de papel higiênico.

 

Ainda estamos muito longe de soluções que só a altas tecnologias poderão nos oferecer. Contudo, essa capa já é um dos primeiros passos para a busca de uma vida mais digna para as pessoas ostomizadas.

 

A responsabilidade pela busca de soluções para esse grupo de deficientes físicos é de toda a Sociedade Brasileira. Por conta disso, busque uma solução melhor e a compartilhe conosco. Teremos o máximo prazer em divulgá-la.

 

 

Quem pode afirmar hoje, que não será o ostomizado de amanhã?

 

 

Pense nisso!

 

 

 

Google

Pesquisa personalizada


O Portal Ostomizados é produzido por Engº Spencer Ferreira, portador da Doença de Crohn e da condição definitiva de ileostomizado.
Licença Creative Commons
Esse conteúdo é licenciado sob uma Licença Creative Commons - Atribuição Não Comercial - Compartilhamento pela mesma licença 3.0 - Não Adaptada.
Autorizações adicionais podem ser obtidas em faleconosco@ostomizados.com.
***Site criado em janeiro de 2007***
*Política de Privacidade*